Wednesday, May 30, 2007

como pintar um pássaro


Como pintar um pássaro
Jacques Prévert
Tradução-Homenagem: Carlos Drummond de Andrade

Pinte primeiro uma gaiola com a porta aberta.
Em seguida pinte alguma coisa graciosa,alguma coisa simples,
alguma coisa bonita, alguma coisa útil...ao pássaro.
Depois, coloque a tela contra uma árvore
no jardim,no bosque ou na floresta
e esconda-se
atrás da árvore sem dizer nada, sem se mexer.
Às vezes o pássaro chega logo,
mas pode levar muitos, muitos anos
até se resolver. Não desanime, espere.
Espere, se preciso, durante anos.
A velocidade ou a lentidão da chegada
do pássaro, não tem a menor relação
com a qualidade da pintura.
Quando ele chegar
(se chegar) mantenha o mais profundo silêncio,
espere que ele entre na gaiola. Depois que entrar,
feche lentamente a porta com o pincel.
Aí então apague uma por uma todas as varetas.
(Cuidado para não esbarrar em nenhuma pena do pássaro.)
Finalmente pinte a árvore, reservando o mais belo de seus ramos ao pássaro.
Pinte também a verde folhagem e a doçura do vento,
a poeira do sol, o rumorejo dos bichinhos da relva no calor da estação.
Depois aguarde que o pássaro se decida a cantar.
Se ele não cantar , mau sinal: sinal de que o quadro não presta.
Mas bom sinal, se ele canta: sinal de que você pode assinar o quadro.
Então retire suavemente uma pena do pássaro
e escreva o seu nome a um canto do quadro.

10 comments:

cm said...

...rasgar as barreiras que criamos e onde gurdamos os nossos passaros...eu também assino por baixo...

Pandora said...

Simplesmente lindo

Vieira Calado said...

Uma bela receita.
Mas eu não tenho com que me preosupar, pois tenho vários tipos de pássaros, no meu quintal.
Limito-me a olhá-los e a ouvi-los cantar.

125_azul said...

ADORO, Adoro este poema! É dos poucos que sei de cor. E olha, meu Azulão é quem faz normalmente as compras de hipermercado!

Margri said...

Excelente poema, que eu não conhecia e descobri aqui!
E que maravilha de mensagem!
Obrigada.
Beijos chilreados.

Hindy said...

Todos juntos faremos a diferença...

Obrigada

Tom, um ser diferente... said...

Amiga Greentea!
Talvez a melhor coisa que me aconteceu hoje, foi vir aqui no seu blog e me deparar com um texto tão lindo quanto este.
Parabéns!
Um abraço forte,
Tom

Melões Melodia said...

Muito bonito sem duvida e vale a pena esperar pelo passaro
beijos

Desassossego said...

Aí então apague uma por uma todas as varetas, todos os grilhões, todos os preconceitos e deixe voar o pássaro.
beijo doce.

MiaHari said...

Valeu, valeu a pena minha paragem aqui!
Bem hajas, greentea.