Wednesday, April 18, 2007

O rei era o rei...

...um chefe de uma nação qualquer só a poderia governar bem se a atravessasse de lado a lado, como eu, ouvindo as queixas e vendo com os seus próprios olhos as misérias, as faltas , as necessidades de cada provincia. As diferentes provincias são como filhos. Não se pode fazer leis rígidas para todos igualmente. Num lado são dóceis, no outro são rebeldes, dum lado há tradições, usos, costumes que não os há nos outros. É tremendo ser governante e que responsabilidade! Uma das coisas que não perdoam a Franco é o estadão, o luxo de que se rodeou.
" O rei era o rei e ia sózinho pelas ruas"
"Nunca vi o rei acompanhado de mil guardas"


Isto são frases soltas que tenho ouvido.Prefiro que me falem em tudo menos em política. Procuro saber o que sofreram durante o periodo "vermelho". Aqui em casa , um filho fusilado, outros presos e sempre os mesmos horrores.
Aqui o rio servia de terra de ninguém. Por vezes chamavam-se uns aos outros, davam-se a conhecer e passavam noticias das familias.
Espanha 15.07.1950 , por Maria do Pópulo
Nos Passos de uma Peregrina

16 comments:

bettips said...

Um espanto, tudo e a tia! Só alguém muito especial... E os anos 50 eram cinza e aperto. Abraços fortes.

greentea said...

era alguém muito especial , sem dúvida independentemente de certas convicções, de um exarcebado sentimento religioso que sempre a moveu, esta mulher que ficou viuva aos 28 anos, grávida do 3º filho...
no meio de toido o infortunio por que passou ao longo da vida e ao longo desta viagem de peregrinação , onde tantas portas se lhe fecharam na cara (por vezes, onde menos esperava) ela entregava-se nas mãos do seu anjo da guarda ou da Senhora de Fátima e ...tudo se resolvia, como ela muita vez relata ao longo do livro.
Sem ter meios para resolver certas situações, deixava-se apenas fluir, como qd não tinha onde dormir, o dinheiro da transferencia não tinha chegado ou os familiares ou amigos q esperava encontarar tinham partido dali ou estavam de férias.
Sem dúvida uma pessoa muito determinada, que ainda conheci em vida.
um abraço , bettips

aminhapele said...

Gostei mesmo muito de passar por aqui.

Angela Ursa said...

Greentea, qualquer tipo de ditadura e fanatismo faz muito mal. Beijos floridos da Ursa :))

Pandora said...

Bom dia.
Não sumi, mas o PC anda muito lento e aborrece-me navegar.
Também tenho andado ocupada com umas coisitas que depois digo lá no meu canto, daqui a dias.
Beijos.

asn said...

Bom dia, colega
Soube-me muito bem ter lido a tua mensagem de solidariedade e compreensão, lá por volta das 23h de ontem. Estava eu a construir aquele post. Põe foto, acrescenta texto, dá um retoque aqui outro acolá, o resultado não agrada, retoca novamente. Às vezes é assim.
Ao mesmo tempo, com remorsos, que se calhar devia era estar 200% concentrado no meu trabalho, não pensar em mais nada! 24 horas por dia?!
Credo, que é de mais!...
-
Pelo tipo de texto que apresentas neste post não há dúvida que se fica com vontade de ler mais. Vou à procura do livro.
Um grande abraço!
Simplexmente!
António

sa.ra said...

Olá amiga!

Não, não ando desaparecida... ando apenas um pouco afastada. Trabalho! Trabalho! Trabalho!

No meio desta agitação, desta canseira... ofereci-me um certo retiro.

Gosto de poder ler os post, de envolver-me neles... o tempo corre e a minha passagem seria, sinto, muito superficial.

Em breve, penso, terei mais tempo e traquilidade!

beijinhos
Tem um dia muito feliz!

Moura ao Luar said...

Agora não há rei, anarquia total

Reflexos da Alma said...

Liberdade acima de tudo!
Passei para te deixar um beijo e um Bom fim de semana

maresia_mar said...

Olá minha kida,
a ditadura e o fanatismo são medonhas e deixam sempre marcas terríveis!

mando-te um grande beijo nortenho e o desejo de um óptimo fds

Jotabê said...

Obrigado pela visita, blog interessante o teu, vou voltar.

:)

Tozé Franco said...

Interesante viagem. Grande espírito de aventura foi preciso ter e grande fé também para o fazer.
Uma abraço e bfs

Freyja said...

que increible
hay tantos que no gobiernan sin responsabilidad y le quitan la libertad al pueblo
y hay paises que nos ha faltado esa libertad
te dejo muchos cariños y que tengas un bello fin de semana
besitos amiga y que estes muy bien
un abrazo amiga


besos y sueños

EL HIPPIE VIEJO said...

EL AUTORITARISMO NO SE COMPADECE DE LAS PERSONAS.
PARA ELLOS LA VIDA NO VALE UN CENTÉSIMO.

GREENTEA, AMIGA

QUE TUS DÍAS SEAN HERMOSOS

ADAL

Rodolfo N said...

En muchos lados las dictaduras dejan sus secuelas.Algún día terminarán.
Abraços fortes

Eduquês said...

Há mais um sítio para cuscar...
http://pedagoges.blogspot.com/