Wednesday, November 26, 2008

brotos de soja




Hoje comprei um pacote de Bio Brotos de Soja , para semear em três a seis dias. Por razões de serviço tive de entrar no leroy-merlin e aproveitei para dar uma voltinha nos bolbos e plantas. Descobri então estas sementes de agricultura biológica que facilmente se "cultivam" em casa e estão prontas em meia dúzia de dias. É fácil, é barato e dá ...saúde !!


Algumas dicas sobre brotos
Os brotos são 80% água, portando utilize, preferencialmente, uma fonte de água filtrada para molhá-los.
Antes de comê-los ou cozinhá-los, lave-os com água em abundância para retirar os resíduos metabólicos. Eles podem causar gases.
Veja com atenção as observações sobre cada uma das sementes citadas abaixo. Algumas não devem ser germinadas.
Para conservar os brotos de um dia para o outro, depois da colheita, coloque-os secos em um saco plástico, retire o ar e leve-os à geladeira. Não é aconselhável guardá-los por mais de um dia ou deixá-los de fora, pois perdem suas propriedades facilmente. Em restaurantes, se você sentir o gosto ou o cheiro meio azedo, prefira não comê-los.
Para evitar gases, que são causados pela comida que não foi totalmente digerida, tente o seguinte:
Mastigue bastante antes de engolir, de preferência misturando muita saliva à comida.
Evite comer com nervosismo ou estresse.
Lave sempre – e bem – os brotos antes do consumo. Isto retira os açúcares (oligossacarídeos, ou carboidratos que produzem poucos monossacarídeos na hidrólise – processo digestivo) criados na superfície pelos processos metabólicos.
Misture a eles uma pequena quantidade de gengibre ou açafrão (que é um tipo de gengibre), seja em pó ou frescos. Isto ajuda a digerir melhor as proteínas dos brotos.
Gengibre é considerado como um supremo “digestor” de toxinas, segundo a Ayurveda (referência: Robert Svoboda, “Ayurveda: Life, Health, and Longevity”, pg.130)
Açafrão é considerado a melhor medicina pela Ayurveda (referência: Vasant Lad and Usha Lad, “Ayurvedic Cooking for Self-Healing”, pg. 216)
Brotos de “fenugeek” são considerados excelentes digestivos. Pode-se adicionar ou as sementes na mistura de brotos ou os próprios brotos, que crescem rapidamente.
Erva-doce (funcho) pode ser ingerida como estímulo digestivo:- Em pó (1 colher de chá), com água morna, 30 minutos antes da digestão;- Na forma de brotos (demoram para crescer);- Em sementes hidratadas, mastigadas após a refeição (ficam mais amargas).
Use temperos anti-gazes em pequenas quantidades, como o coentro e o cominho, em pó ou hidratados ou em brotos (de 1 a 1,5 dias).
Coma os feijões maiores somente depois de vários dias de germinação. Prefira os feijões que são menores (azuki, moyashi etc)
Evite os brotos de leguminosas, pois eles causam mais gazes.
Use temperos digestivos em pequenas quantidades, em pó ou hidratados ou em brotos, como o cardamomo (os frutos dele), a mostarda, o cominho e a canela.
Use óleos naturais, que são anti-gazes: tahini (óleo de gergelim), brotos de girassol (antes de germinarem as folhas), abacate, óleo de girassol, nozes em geral.
daqui

5 comments:

Violeta said...

Açafrão e gengibre uso muito na minha culinária. no outro dia fis uns cogumelos com gengibre e legumes que ficaram muitooooooooo bons.
bjs

greentea said...

gengibre é excelente para temperar e substitui ou evita o sal.
Também trouxe açafrão para plantar - é bom para o colesterol e dá um paladar exótico q aprecio.
Deve ficar lindamente com os cogumelos.
Viste um post de há uns meses em q divulgava a plantação de cogumelos at home ??
Compra-se uma embalagem e já está!!

Je Vois la Vie en Vert said...

Muito interessante este artigo !
Diz-me, Wicky, em que mês falaste dos cogumelos ? Este assunto interessa-me mas tenho muito pouco tempo para andar à procura, peço desculpa....
Tento sempre comprar cogumelos biológicos mas as prateleiras de legumes bioógicos são muito escassas em Portugal. Na Bélgica, existem legumes biológicos congelados e não custam muito mais do que os "normais". Os produtos biológicos não têm muito êxito em Portugal e o que se vê nos supermercados em Portugal já têm um aspecto de velhos... E nunca se vê alfaces biológicas. Quando vejo um caracol numa alface, é esta que compro porque se o caracol ainda está vivo, é que a alface não deve ter muitos produtos nocivos ...

Beijinhos verdinhos

Hands of Time said...

Lá está algo que eu não sabia!! Muito interessante!!

Justine said...

Greentea, obrigada por mais este molhinho de recomendações úteis. Alguns dos procedimentos já conhecia, outros são novidade.
E os brotos de soja, que ar verdejante e apetitoso:))
Bom fim de semana.